Siga-nos nas Redes Sociais


TURISMO

Sairé: cultivo de laranja, consciência ambiental e história

Publicado

dia:

A pandemia de Covid-19 tem exigido uma mudança completa no modo de planejar uma viagem. Todos os cuidados -a exemplo do uso de máscara, álcool em gel e distanciamento social- devem ser seguidos em qualquer que seja o destino escolhido.

Não é tempo de se descuidar das regras sanitárias, uma vez que são fundamentais no combate ao novo coronavírus. Estamos em uma fase de restrições de viagens internacionais  e os destinos do Bora Pernambucar são opções excelentes para conhecer novos lugares, seguindo os protocolos de segurança. Então, que tal descobrir Pernambuco? Aproveite!

A terra do buscapé e da laranja recebe seus visitantes com um clima frio aconchegante, uma entrada para a cidade estonteante e a certeza de um passeio bem aproveitado.

Sairé fica a 107 km da Capital pernambucana, numa entradinha logo depois de Bezerros. Pequena e com uma população um pouco maior que 11 mil habitantes, seu povoamento teve início com a utilização do solo fértil para plantio da cana-de-açúcar.

Atualmente, é a maior produtora de laranja de Pernambuco e tem destaque também na criação de tilápia. Outro ponto importantíssimo da cidade é sua preservação e consciência ambiental, Sairé é referência em compostagem e tratamento de resíduos.
 O cair da tarde em Sairé é um dos momentos mais bonitos da viagem O cair da tarde em Sairé é um dos mais bonitos do Agreste

HISTÓRIA

Museu Municipal Horácio José dos SantosMuseu municipal de SairéMuseu municipal de Sairé

O pequeno Museu Municipal de Sairé por si só já é um memorando. No século XX, o local figurava um centro social de atendimento para a população menos abastada. Em 2013, a gestão municipal ressignificou o local para que ele se tornasse museu da cidade, que tem a maior parte do seu acervo garantido por doações de artefatos históricos das famílias mais tradicionais. O museu funciona de terça a sexta-feira de 8h às 17h e, nos finais de semana e feriados, de 8h às 12h. Onde: praça São Miguel, s/n, Ao lado da Igreja Católica, Centro, Sairé Acesso gratuito.

PASSEIOS 

Produção de laranjasSairé é conhecida pelo cultivo de laranjaSairé é conhecida pelo cultivo de laranja

Iniciada na década de 1980, a produção de laranja se destacou na cidade devido às condições climáticas favoráveis. No inverno, as noites da cidade chegam a 15°C e os dias se mantêm frios. Após a colheita, ocorre o seu evento principal: a Festa da Laranja, que acontece anualmente no mês de julho. A visitação às plantações é feita com agendamento e acompanhamento por José Antônio Alves – 99821-8974. Acesso gratuito.

Criação de peixes

Como uma atividade mais recente, a criação de peixes também é um destaque da cidade. Nos últimos anos, alguns produtores de laranja optaram por mudar de área e apostar na piscicultura. Estes colhem bons frutos a partir dessa nova aposta. Algumas áreas de criação de peixe recebem visitantes com agendamento programado, com José Antônio Alves – 99821-8974. Acesso gratuito.

Casario

Com parte da construção do centro urbano preservada do século XIX, a cidade possui casarios de época, que levam o visitante a um passeio de volta no tempo. Já nos sítios, muito comuns na cidade, dado seu viés econômico com alguma concentração no pequeno produtor, as casas rodeadas por hortas e pequenas plantações de laranja se destacam pela simplicidade e charme. Terraços grandes, largas janelas e um espaço reservado para estocagem da produção dos sítios são vistos em diversas casas que distam do centro da cidade.
 
Igreja Matriz de São Miguel
 
Uma graça recebida e uma promessa cumprida resultaram na construção da Igreja de São Miguel, datada de 1906, principal igreja da cidade. São Miguel, que já deu nome ao distrito que originou Sairé, é também o padroeiro da cidade. A igreja revela uma construção clássica, de frente para uma praça e rodeada por casarios antigos.
 
Unidade de Triagem e Compostagem

Referência em tratamento de resíduos, Sairé ainda utiliza sua expertise na área para educar seus moradores e visitantes. Na unidade, o turismo pedagógico é explorado para que cada visitante do centro de compostagem saia com uma consciência ambiental melhorada e ideias para reduzir e destinar a quantidade de lixo que produz.

No centro há também um auditório ecológico onde grupos recebem palestras sobre a questão do lixo. A visitação no centro se faz por meio de agendamento, que pode ser feito com José Antônio Alves – 99821-8974. Acesso gratuito. 
 

SUNDOWN PARK

KM,03 - SALOÁ/PE

PROVEDOR DE INTERNET

Escritório: Rua 13 de maio - 05, centro - Bom Conselho/PE.

BOM CONSELHO TEM

NO CENTRO DA CIDADE. ORGANIZAÇÃO: ULISSES MENDONÇA

ÁGUA LUCINDA

DISTRIBUIDORA DE GÁS LUCINDA

RUA MÁRIO MELO [AÇUDE] - 150 - CENTRO

JB ASSISTÊNCIA TÉCNICA

RUA PARAISO,52 CENTRO BOM CONSELHO CONTATOS: (ZAP) 9.9638-9489 E 9.8166-3600

INFORMATIVO ASTROTUR

Terminal Rodoviário de Bom Conselho

DECOLITUR

SERVIÇOS ELÉTRICOS EM GERAL

VLV ADVOGADOS ASSOCIADOS

AGENDA TELEFÔNICA

TWITTER JB NOTÍCIAS

MAIS LIDAS